Reassistindo por Aí Resenhas

Turma da Mônica: Laços ♥ HQ & Filme

 

Turma da Mônica: Laços
Vitor Cafaggi & Lu Cafaggi / Maurício de Sousa
Panini Comics
“‘Tulma da Mônica’? De onde você tilou isso? Eu semple me lefilo à gente como tulma do Cebolinha.”

Sobre os Autores

Vitor Cafaggi é um quadrinhista brasileiro, graduado em Desenho Industrial e professor na Casa dos Quadrinhos. Em 2008, criou a webcomic Puny Parker, em que imagina a infância do personagem Peter Parker e também a tira Valente, publicada pelo jornal O Globo. Sua primeira publicação independente, Duotone, e a coletânea de tiras Valente para sempre, ambas de 2012, renderam ao autor o Troféu HQ Mix de 2012, na categoria Novo Talento (Roteirista). Em 2013, criou em parceria com a irmã, Lu Cafaggi, o álbum Laços. Segundo volume da série Graphic MSP, a história é uma visão dos dois irmãos sobre os personagens da Turma da Mônica.

Lu Cafaggi é uma quadrinista brasileira. Começou a divulgar suas ilustrações na internet em 2009 e, desde então, trabalhou principalmente com material autoral independente. Ganhou o 26º Troféu HQ Mix na categoria “Novo talento (desenhista)” por seu trabalho na graphic novel Turma da Mônica – Laços. Pela mesma obra, também ganhou, junto com seu irmão Vitor Cafaggi, o HQ Mix na categoria “Melhor roteirista” (ambos são coautores da HQ).

Mauricio de Sousa é um dos mais famosos cartunistas do Brasil, criador da “Turma da Mônica” e membro da Academia Paulista de Letras. Filho de Antônio Mauricio de Sousa (poeta e barbeiro) e de Petronilha Araújo de Sousa (poetisa). Mauricio de Sousa começou a desenhar cartazes e ilustrações para rádios e jornais de Mogi das Cruzes, onde viveu. Procurou emprego em São Paulo, como desenhista, mas só conseguiu uma vaga de repórter policial na Folha da Manhã. Passou cinco anos escrevendo esse tipo de reportagem, que ilustrava com desenhos bem aceitos pelos leitores. Mauricio de Sousa começou a desenhar histórias em quadrinhos em 18 de julho de 1959, quando uma história do Bidu, sua primeira personagem foi aprovada pelo jornal. As tiras em quadrinhos com o cãozinho Bidu e seu dono, Franjinha, deram origem aos primeiros personagens conhecidos da era Mônica.

Sinopse

O Floquinho desapareceu. Para encontrar seu cachorro de estimação, Cebolinha conta com os amigos Cascão, Magali e Mônica e, claro, um plano “infalível”. Em Laços, os irmãos Lu e Vitor Cafaggi levam os clássicos personagens de Mauricio de Sousa a uma aventura repleta de emoção, lembrança e perigos.

Turma da Mônica: Laços

O que é capaz de fazer com que o Cebolinha dê uma trégua em sua busca por pegar o Sansão e a Mônica em dar coelhadas? A resposta para isso está em Laços, a HQ escrita por Vitor e Lu Cafaggi, os irmãos que deram novos ares para a Turma da Mônica, em um projeto super especial da Graphic MSP (Maurício de Sousa Produções).

Em Laços, o mistério se inicia com o sumiço de Floquinho, o cachorro verde do Cebolinha (ou seria o cacholo velde do Cebolinha?). A Turma se reúne e parte em busca de pistas para encontra-lo. Isso, é claro, irá leva-los por muitas aventuras, perigos e momentos em que a amizade será colocada à prova. Ah, isso sem falar da necessidade de planos infalíveis para que tudo dê certo, ninguém se perca e que o Floquinho seja encontrado.

Mas na verdade, o que há nas páginas de Laços, vai bem além disso. A história é divertida e segue o tom nostálgico que encontramos nas revistinhas que muitos já leram, ao menos, durante a infância. Os personagens foram moldados tão bem quanto já os conhecemos e, ainda assim, não deixam de surpreender. São novos cantos seus que são explorados, novas ideias e, ao mesmo tempo, o tom nostálgico faz lembrar dos habituais desenhos de Maurício de Sousa.

A amizade, sua força, os laços que ela cria, é o que move a história e os personagens. E, nesse ponto, vários laços são explorados: do amigo fiel e inseparável na forma de cãozinho, nas amigas que estão sempre lado a lado, nos amigos que não desistem dos falíveis planos infalíveis, assim como, especialmente, daqueles amigos que, mesmo tendo suas diferenças e lutando às vezes de lados opostos, quando surge a necessidade, estarão lá para o que der e vier.

Uma história linda, sem dúvidas, que mexe com o sentimento de quem tem amigos queridos, de quem já teve ou tem um animalzinho amado e também com qualquer um que tenha laços com as histórias da Turma da Mônica. Além de amizade, a história não deixa de lembrar que os laços que são formados durante a vida são importantes, fortes e só podem ser mantidos quando zelados por aqueles os quais eles fazem parte. Laços é uma história sobre a vida, sobre a amizade e em como ela é capaz de prevalecer sobre as dificuldades e sobre até mesmo, a vontade de ser o dono da lua.

A leitura de Laços foi rápida e intensa, nostálgica e do tipo que não há melhor descrição do que um quentinho no coração. Recomendo para todos que um dia já leram uma revistinha dessa Turma especial tanto quanto para aqueles que ainda não conhecem, o resultado será o mesmo: um laço incrível com personagens encantadores e divertidos!

Turma da Mônica: Laços – O Filme

Para quem não sabe, Turma da Mônica: Laços, virou filme. Uma produção nacional baseada na HQ que já conquistou um muno de fãs. O filme, que estreia hoje, teve pré no dia 24 de junho em Belo Horizonte e fui conferir!

Com a presença de Maurício de Sousa, Magali e os quadrinistas Lu e Vitor Cafaggi, a sessão trouxe um mundo de fãs da Turma da Mônica para conferir o filme e ver de perto os criadores desse história incrível. A alegria da pessoa aqui foi feita quando consegui autógrafo do Vitor e da Lu na minha HQ de Laços.

No filme, temos uma adaptação da história em quadrinhos digna de nota, transformou os elementos necessários para que a história fosse levada para personagens de carne e osso e não deixou de lado a familiaridade dos personagens e a mensagem sobre amizade e companheirismo que vemos na HQ.

Até mesmo um personagem que não aparece na HQ e que foi inserido no longa, não pareceu deslocado no enredo, como cheguei a supor quando assisti ao trailer. Apenas o enfoque romântico entre alguns dos personagens e que não está presente na HQ é que achei desnecessário, mas nesse ponto, sempre acho quando há esse tipo de destaque quando se trata de personagens crianças. Não acho muito condizente.

Sobre o elenco, há que se dizer, o Cebolinha rouba louba a cena, e não apenas pelo foco central da trama se desenvolver a partir do desaparecimento de Floquinho, o seu cãozinho. O ator Kevin Vechiatto incorporou o personagem e fez jus ao garoto com uma fonte inesgotável de planos infalíveis. O restante do elenco do quarteto principal, que conta com Giula Benite como Mônica, Laura Rauseo como Magali e Gabriel Moreira como Cascão, também fazem bonito. São versões interessantes e dinâmicas dos personagens e fazem com que a história gire bem em torno deles.

Com a Direção de Daniel Rezende (Bingo O Rei das Manhãs / Robocop 2014), o filme ainda conta com alguns nomes já conhecidos como Rodrigo Santoro, Paulo Vilhena e Mônica Iozzi. Sobre a direção, as cenas emotivas são bem longas e, nesse ponto, preciso dizer que tive a sensação de que elas exigiram mais dos atores mirins do que era possível.

Turma da Mônica Laços é nostálgico, divertido e, sem dúvidas um filme para se ver com a família e levar as crianças para uma viagem pelo Limoeiro e ajudar a encontrar o Floquinho junto da Turma do Cebolinha, digo, da Mônica!

Aleatoriedades
  • A HQ foi presente do namorado que ainda está me levando para o lado das HQ’s da Folça, digo, da Força. Essa comecei a ler logo que ganhei, impossível segurar a ansiedade. Quando peguei para finalizar a leitura, foi de uma só vez, voltei para a primeira página e fui ao bairro do Limoeiro em busca do Floquinho.
  • O convite para assistir à pré-estreia de Laços foi do blog Coisas de Mineira e agradeço muito pelo carinho, adorei assistir ao filme e poder tietar a Lu e o Vitor Cafaggi! Inclusive, nos autógrafos, a personagem favorita foi escolhida para os desenhos: Magali! Acho que eu e ela temos uma paixão por comida que sempre me fez identificar com ela! eheheh
A HQ Turma da Mônica Laços está disponível em duas versões na Amazon: capa comum (a que você vê nas fotos aqui do post) e capa dura (vale muito a pena, é lindíssima)! E comprando pelos links do Retipatia você ajuda a manter o blog, sem pagar mais nada por isso!

Que a Folça esteja com vocês!

xoxo

Retipatia

16 Comments

  1. Amei a HQ, e quero mt ver o filme , turma da Mônica fez parte da minha infância e da minha filha e sempre nos trouxe ensinamentos sobre amizade e família. Essa caracterização dos personagens nos quadrinhos esta bem legal. Esses fios longos do Cebolinha ao vento , a Mônica mais rechonchudinha, a Magali e o Cascão com novos penteados mais atuais , deram um charme diferente aos personagens. Já me instigou a querer essa HQ.

    1. Oi Tatiane!
      Ah eu também tive a infância acompanhada por essa Turma incrível! Eu adorei a forma como eles foram representados na HQ e acho que você vai adorar a leitura e também, o filme! <3
      Obrigada pela visita!
      xoxo

  2. Clara Lima says:

    Aaah, que nostálgico! Quando era menor cheguei a ler um pouco de turma da Monica, mas eu gostava mesmo era de assistir a turma nos DVDs que minha avó e minha mãe compravam pra mim! XD Não tinha visto a HQ por dentro, o trabalho dedicado a ela está lindo e com traços Meigos. Amei os tons de cores usados! O filme é uma realização ótima, logo logo assistirei. Quanto a romantizar as relações com a criançada, também acho se tratar de um ponto desnecessário. Acho importante quando as relações são apresentadas sem esse lado romântico, mostra que nem toda relação precisa ter interesse amoroso. Acho bonito quando mostram a força que a amizade tem, e como ainda mais que o amor que se troca em uma relação amorosa, a mais pura forma de amor está presente nos laços da amizade! Amei as fotinhas com a HQ, e seu cabelo está lindo!^^ um beijo

    1. Oi Clara!
      Ah nostálgico define bem essa HQ! E adorei muito também a paleta de cores, os traços! O filme é super fofo e nostálgico também e acho que vale muito conferir! A amizade ainda é a força que move a história no longa, mas eu realmente dispensava o foco que os romances ganharam. Obrigada, feliz que tenha gostado das fotos e do cabelo! ehehe <3
      Obrigada pela visita!
      xoxo

  3. Andréia Oliveira says:

    Nossa sabia que tinha uma nova HQ da Turma da Mônica, eu amava ler as histórias em quadrinhos quando era criança, ver os desenhos, como eu era feliz com isso. Quando fiquei sabendo do filme em um programa de tv, super me animei, e nem sabia que tinha a nova versão do HQ, curiosa como sou, fui pesquisar e vi que tem uma uma outra edição,a Turma da Mônica Lembranças, já quero as duas hahaha, as ilustrações é a coisa mais fofa, e o filme deve ser muito lindo tb, não vejo a hora de assistir.

    P.s: Que invejinha desse seu autografo, com direito a ilustração.

    1. Oi Déa!
      Ahhh sim, tem duas continuações de Laços, que são dos mesmos quadrinistas, Lembranças e Lições! O filme também é super fofo, vale a pena conferir! O tom nostálgico está em tudo mesmo, no filme e nas HQ’s! <3
      p.s.: ehehe eles são super acessíveis, quando tiver evento que eles estejam, corre pra pegar o seu também! <3
      Obrigada pela visita!
      xoxo

      1. Andréia Oliveira says:

        Já quero todos os HQs, quem sabe um dia não tenho a oportunidade de ir em algum evento que eles estejam, seria o máximo ahahahaha.

        1. ahaha também quero todos! E com certeza haverá oportunidade!!! <3

  4. Amei as ilustrações, HQ ficou linda, to apaixonada ! Já quero uma pra mim ! Legal conhece um pouco sobre os quadrinhistas e sempre bom informações como essa !

    1. Oi Maria Carolina!
      Ah essas ilustrações são linda, a HQ está perfeita! <3 Vale muito a pena ter uma pra chamar de sua e conhecer os quadrinistas também foi super legal! 🙂
      Obrigada pela visita!
      xoxo

  5. Gisele Thais says:

    Que HQ linda, estou super animada pra vê o filme com minha filha!!!

    1. Oi Gisele!
      Sim, uma HQ super linda! E veja o filme, está muito fofo! <3
      Obrigada pela visita!
      xoxo

  6. Jabes Guedes says:

    Simplesmente linda essa HQ, já quero logo logo assistir o filme com a filhota!!

    1. Oi Jabes!
      Ah essa é HQ é perfeita e vale muito conferir o filme no cinema! <3
      Obrigada pela visita!
      xoxo

  7. Ai, Rê, tem como não ficar com o quentinho no coração só de ler seu post? Assim como uma quantidade estrondosa de brasileiros eu cresci lendo a Turma da Mônica, mas acho que essa a história mais sensível que já existiu deles! Li a HQ há alguns anos – o Vitor estudou com a Mari, então ela tem uma edição desde o lançamento – e corri pro cinema assim que saiu o longa, claro. Apesar de achar algumas cenas lentas ele tem TANTOS pontos positivos que dá pra ignorar facilmente… O que foi Rodrigo Santoro interpretando a insanidade completamente sã do Louco, gente? Uma cena que eu não queria que acabasse de jeito nenhum!
    Um adendo: concordo 100% com você sobre o quanto é desnecessário adicionar romance à trama infantil. É um casal que eu não gosto nem na versão TMJ (achava bem abusivo), e ver colocado ali com crianças interpretando foia inda pior. Eu sei que é algo comum nesse cenário da Turma, mas já tá na hora de desconstruir isso, né?

    Enfim, resenha mega pertinente e TOCA AQUI porque minha favorita também é a Magali!

    1. Oi Luly!
      Ahhh é a magia de Laços, só pode ser isso que transmite quentinho no coração de todo mundo! Achei o filme muito fofo e que fez jus à história, mesmo sendo um filme voltado para o público infantil, consegue abarcar todo mundo, sabe!? Sim, as cenas lentas, achei que não cabia… rs E também curti muito o Santoro como o Louco. Confesso que estava com medo do personagem ficar deslocado, sabe, já que não tem na HQ, mas funcionou muito bem pra história. Sobre o adendo, concordamos, concordamos, mas nunca li TMJ, preciso confessar, só nesse quesito que não sei opinar… rsrsrs
      Enfim, TEAM MAGALI, melhor personagem! ahaha <3
      Obrigada pela visita!
      xoxo

Repense, renove, rediscuta...