Categoria "Revolucione"

BEDA #17 ♥ O Movimento dos Cachos

Em 18.08.2016   Arquivado em Revolucione

Bom dia, tarde e noite people!

Décimo sétimo dia de BEDA, dia de post de tema livre, é dia de falar de cachos. Adianto que não sou nenhuma expert e não vou dar dicas de beleza nem nada (inclusive se preparem para as fotos mais bregas que verão por aqui…).

Há um tempo tem ocorrido, das mais diversas formas, o que eu carinhosamente chamo de ‘Movimento dos Cachos’. Mais e mais pessoas aderindo à naturalidade de seus cachos. Esse tal ‘movimento dos cachos’, ao qual me refiro, nada mais é do que a busca por igualdade capilar. Falando assim, parece até comédia. Igualdade capilar? Mas o que seria isso?

Bom, talvez para explicar melhor, eu precise contar uma breve história.

Meus cabelos são cacheados. Muito cacheados, da raiz às pontas, com cachos pequenos (não miudinhos, mas pequenos). E, desde pequena, tudo o que via e ouvia era que, cabelo bonito é sinônimo de cabelo liso. Ou a versão um pouco pior disso tudo: cabelo bom é cabelo liso.

(mais…)

BEDA #15 ♥ Faço hora, vou na valsa

Em 15.08.2016   Arquivado em Revolucione

Bom dia, tarde e noite pessoas do coração!

Nesse décimo quinto dia de BEDA, que é de tema livre, preciso espairecer. E, para isso, nada melhor que escrever. Tentar expressar em palavras o que às vezes nem mesmo nossos pensamentos conseguem colocar em ordem.

 02 faço hora

Como diria Lenine, o tempo não pára. E, por tempo, leia-se, a vida. A vida não pára, não volta, nem se apressa. Caminha cada dia de uma vez, ainda que às vezes um dia ou momento pareça passar em branco ou que sejam fugazes em demasiado, cada momento é um momento único, independente de ser bom ou ruim.

(mais…)

Uma Mulher Por Minuto

Em 30.05.2016   Arquivado em Revolucione

O post da minha linda amiga Lady Luly, do Expresso Rosa, intitulado “‘Til It Happens To You”, me fez querer compartilhar várias palavrinhas sobre os acontecimentos recentes e a repercussão deles na nossa vida.

Claro, estou falando sobre o estupro da adolescente carioca, de apenas 16 anos, que conseguiu dividir as timelines do Facebook e da vida, entre feministas, indiferentes e auto-declarados machistas e opressores (às vezes os indiferentes estão desse lado também, para minha tristeza).

(mais…)

Os “ismos” nossos de cada dia

Em 03.05.2016   Arquivado em Revolucione

Oi pessoal!

O primeiro post (com conteúdo, por assim dizer), do blog era para ser sobre um livro muito especial. O texto tá esquematizado, mas acabou que um assunto que vem me pentelhando há algum tempo, chegando ao ápice dos absurdos nos últimos dias, precisa ser compartilhado. Daí, não teve jeito, bora rabiscar as ideias.

(mais…)

Prefixo Re

Em 27.04.2016   Arquivado em Revolucione

Bem vindos e bem vindas a Retipatia!

Neste primeiro post vou contar para vocês um pouco sobre a criação do blog e claro, a origem da “nomenclatura” Retipatia.

Retipatia começou com meu perfil do Instagram. Quando fui criar a conta, não sabia ao certo que nome dar e, como boa parte de nossas ideias que aparentemente surgem do caos ou do nada, eis que me vem, por assim dizer, o arrouba re_tipatia. Uma junção do meu apelido mais usual, “Rê” (com o ‘e’ fechado mesmo. Sim, de Renata) e “tipatia”, de antipatia. Claro, antipática pode ser um dos modos de me descrever também.

A conta no Insta foi criada em 2013 e o nome acabou virando parte de minha identidade também. Com a ideia de criar um espaço virtual para compartilhar mais do que fotos, o nome veio a calhar. E, agora, tem muito mais sentido e significado do que antes.

Assim, devagarinho mesmo, o que era só uma ideia tomou forma e virou, bem, Retipatia.

(mais…)

Página 2 de 212