Posts de Retipatia

Análises de Filmes, por Mr. Darcy

Em 16.05.2017   Arquivado em Reassistindo por Aí

Meus caros, a pedido de minha amada esposa, senhora Elizabeth Darcy, venho vos apresentar uma relação de películas as quais a mesma encarecidamente fez-me-a acompanhar durante a exibição.

Como é sabido por aqueles poucos que me são próximos, sou adverso às engenhosidades modernas, especialmente por se tratarem de indivíduos inócuos fingindo serem pessoas e, especialmente, coisas as quais não o são. Atingindo, em alguns casos, níveis absurdos que insultam minha inteligência. Entretanto, fui exposto à uma diversidade de conteúdos nos últimos meses, aos quais venho reportar na listagem que se segue, muito provavelmente, evitando que tenham o infortúnio de dispender horas de suas vidas em tarefas tão absurdas como a de assisti-los. (mais…)

Os Cavaleiros do Inverno ♥ Cecília Reis

Em 10.05.2017   Arquivado em Resenhas

Bom dia tarde e noite folks!

Dia de uma resenha super especial, porque, além de indicação literária de uma amiga muito querida, esse livro entrou para o roll dos favoritos do ano, ainda que não tenhamos chegado nem ao meio do ano, preciso destacar.

Título: Os Cavaleiros do Inverno (o volume inclui o primeiro e o segundo volume da série: Os Cavaleiros do Inverno e Os Servos do Duque)

Autora: Cecília Reis

Editora Wish

(mais…)

Um Ano de Retipatia + Sorteio

Em 07.05.2017   Arquivado em Achados & Perdidos, Projetos

Bom dia, tarde e noite folks!

Clichês à parte, parece que foi ontem, mas já faz um ano que tivemos a primeira postagem aqui no blog. Muita água rolou de lá para cá, não apenas o blog ganhou outra cara como também encontrou seu foco. Por mais que, vez por outra, eu fale de um ou outro tema aleatório aqui, como cinema, TAG’s e projetos, os dois principais focos do blog são as resenhas literárias e os contos que escrevo e compartilho nesse pequeno pedaço de mundo.

Chega a ser difícil descrever quantas emoções e coisas realmente fantásticas aconteceram desde que eu criei o blog. A máxima de que a dedicação surte resultados é muito verdadeira nesse mundo blogueiro. É claro que tem dias que acho que ainda engatinho por aqui (e tem dias que tenho certeza disso), mas a todo tempo a recepção das pessoas só me mostra que é possível crescer e buscar sempre ser melhor, não importa qual seja o objetivo da pessoa.

O mundo blogueiro me trouxe muito mais do que o incentivo a praticar minha escrita e à leitura. Me trouxe pessoas especiais e que, independente de qualquer coisa, terei para sempre no coração. A acolhida em vários grupos, em blogs que admiro, dos autores que confiaram seus trabalhos a mim sendo que estou aqui há tão pouco tempo, cada comentário sincero e apoio recebido, trazem uma sensação de completude sem igual. E, a todos vocês, eu só posso dizer o meu muito obrigada!

Pensando em como celebrar essa data tão especial, acabei resolvendo fazer duas coisas: primeiro, uma seleção dos posts mais acessados do blog e, segundo, três sorteios bem legais e especiais que venho planejando há um tempo e que, muito alegremente, tive a ajuda de planejar com alguns parceiros do blog! (mais…)

Alice no País do Amor ♥ Lucilla Guedes

Em 24.04.2017   Arquivado em Resenhas

Bom dia, tarde e noite folks!

Hora de se aventurar no mundo das maravilhas, ou melhor, no mundo do amor, com a resenha do livro Alice no País do Amor, da autora parceira do blog Lucilla Guedes, publicado pela Chiado Editora. Agradeço imensamente a autora pela confiança e carinho em compartilhar sua obra aqui com o blog.

Sente-se, acomode-se e prepare-se. É hora do chá.

“As cláusulas anãs dizem que até podemos fazer o que quisermos, desde que dentro do pequeno cercado que fomos erguendo, tijolo por tijolo, durante o período de escolhas erradas ou de indecisão… Intricado, não?”

(mais…)

Conto ♥ Entremeio

Em 18.04.2017   Arquivado em Contando Histórias, Contos

Sugestão de música para durante a leitura: Hozier feat. Karen Cowley / In a Week

Algo que se encontra no meio do caminho, como a pedra do poema de Drummond. Algo que fora deixado exatamente entre dois limites, apto a fazer-lhe parar bem na metade, seja lá do que for.

– Tem certeza de que pegou tudo? – Eu insisto.

– Claro que sim, Ian. – Detesto quando ele diz meu nome dessa forma, enfadonha, assim como minha mãe o usaria quando eu era uma criança impertinente.

– Só estou perguntando, você fez sua mala em cinco minutos, Alan. – Tento imitar o tom indiferente, mas provavelmente sai algo muito mais próximo à malcriação.

Ele sorri daquele jeito aberto e espaçoso e sua mão alcança meus cabelos, jogando-os para todos os lados. É claro que eu não posso bagunçar o seu topete perfeito, mas o ato é o suficiente para me acalmar e me fazer suspirar fundo. Não é por ter bagunçado meu cabelo, é óbvio, mas porque seu toque tem esse efeito quase mágico sobre mim. Acalma, quando precisa.

Apago o abajur do meu lado da cama e ignoro o fato de que ele acaba de se acomodar com um livro nas mãos.

– Vamos acordar em cinco horas, Alan.

– Eu sei, só vou terminar um capítulo.

– Claro, como se eu acreditasse em tudo que um leitor fala. – Falo, rindo e viro pro outro lado, para evitar a claridade.

(mais…)

Página 3 de 271234567... 27Próximo